Z1 & Conta Simples: inteligência que impulsiona o sucesso

Líderes da Z1 reforçam benefícios da Conta Simples, como os múltiplos cartões corporativos e a transferência em lote, que ajudaram a fomentar o crescimento da empresa e trouxeram mais eficiência para os processos do financeiro.
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
banner do material Fever Play

RAIO-X: Z1 

  • Setor: Serviços financeiros
  • Tamanho: 50-200 funcionários
  • Rodadas de investimento: rodada Série A de R$55 milhões, liderada pela Kaszek
  • Stack financeiro: Conta Simples

Escalabilidade e mais controle sobre os gastos, desafios que fazem parte do dia a dia de muitas empresas da nova economia e que têm dificuldade de conseguir cartões corporativos para sua operação.

A Z1, conta digital para adolescentes 100% gratuita, teve essas dores solucionadas quando passou a utilizar a Conta Simples. Com a necessidade de cartões corporativos para fazer o negócio deslanchar, ela conseguiu destravar atividades que permitiram seu crescimento.

“A facilidade de criar cartões corporativos com a Conta Simples para que pudéssemos ter as ferramentas essenciais para o desenvolvimento do negócio, principalmente estrangeiras, resolveu o nosso problema e possibilitou ainda que tudo acontecesse de uma maneira mais fluida”, conta João Pedro Thompson, cofundador da startup.

Logo que sentiu que precisava dos cartões, o empreendedor lembrou da plataforma como aliada. “Compartilhamos uma sala de um coworking com os fundadores da Conta Simples por dois meses. Quando percebi que precisava de um cartão corporativo, decidimos contratar o serviço”, lembra João.

João Pedro Thompson, cofundador da Z1
João Pedro Thompson, cofundador da Z1

A possibilidade de divisão por centros de custo também chamou atenção e acabou contribuindo para a escolha da plataforma, segundo o empreendedor. “Cada software que utilizamos está conectado a um cartão corporativo e ao setor que precisa da ferramenta, assim fica mais fácil saber de onde estão vindo os gastos. Já tiveram casos de fornecedores nos cobrando indevidamente, e conseguimos bloquear o cartão de forma bem fácil. Isso foi muito útil e é um diferencial bem bacana da plataforma.”

Para a CFO da startup, essa visibilidade foi muito importante para a gestão financeira. “Temos vários cartões virtuais gerados, cada um para uma área da empresa. Qualquer valor que é debitado sabemos a área responsável pelo gasto. Isso facilita muito os processos”, completa Carolina Sanzovo.

Além dos cartões, mais eficiência com a transferência em lote

Com a missão de dar mais autonomia e liberdade para um público jovem, a Z1 carrega o objetivo de educar financeiramente a nova geração para que essas pessoas cheguem à vida adulta com uma relação saudável com o dinheiro.

“O nosso propósito é ser um banco voltado para a geração Z, com produtos e serviços financeiros que têm a cara desses jovens. Hoje, oferecemos uma conta bancária com possibilidade de recebimento e envio de recursos via Pix, boleto para recebimento de recursos e um cartão de crédito pré-pago Mastercard internacional. A ideia é ter uma oferta maior de produtos e serviços que atenda esses jovens conforme eles forem crescendo e tendo outras necessidades”, afirma Carolina.

Adolescente com celular e cartão da Z1 nas mãos

Como toda empresa em seu início de jornada, o financeiro da startup ainda é bastante enxuto, com dois analistas (um que cuida dos processos de contas a pagar, tesouraria e processos administrativos como um todo e outro de folha de pagamento e DP), um advogado externo auxiliando como Jurídico e uma contabilidade também externa que trata da parte fiscal e de folha.

“Digitar a chave Pix para fazer o pagamento de todos os colaboradores era realmente muito trabalhoso. Quando soube que a Conta Simples tinha essa funcionalidade, fiquei tranquila porque sabia que ia conseguir rodar o processo de forma automatizada e ágil, sem parar uma das pessoas da minha equipe para digitar essas chaves. Isso representou uma economia de quatro horas de trabalho por folha. Conseguimos implantar o adiantamento salarial na empresa também por conta dessa facilidade”, diz Carolina. 

“Hoje em dia, tem software para resolver quase todo tipo de problema. Só é preciso analisar se vale a pena do ponto de vista de esforço de implantação, custo e o tamanho da sua dor para aquilo. A solução da transferência em lote da Conta Simples foi ótima para nós, porque teve uma implantação muito rápida e resolveu uma dor dentro do financeiro”, acrescenta a CFO. 

Escalabilidade e controle dos gastos

Como deu para perceber, a Conta Simples trouxe para a Z1 possibilidades que transformaram a realidade da empresa. Os cartões corporativos conseguiram fazer com que a empresa escalasse e tivesse mais controle financeiro, e as transferências em lote via Pix abriram espaço para outras ações até então impensáveis.

Em resumo, o cofundador da startup considera a decisão de adotar a plataforma como uma grande divisora de águas. “A Conta Simples abriu várias possibilidades para nós que não encontramos em outros bancos tradicionais. Começamos a mirar diversas coisas, como até mesmo a folha de pagamento, apenas utilizando a plataforma. O cartão corporativo e a implementação do Pix, que é raro de encontrar no segmento B2B, foram coisas que destravaram os problemas que o nosso financeiro foi encontrando no meio do caminho.”

Para o futuro, resta ainda mais parceria para suportar a expansão do negócio com muita organização. “Contamos com ela para nos apoiar nesse crescimento que vem para os próximos anos”, finaliza o empreendedor.

Natália Plascak
Natália Plascak
Especialista em Conteúdo na Conta Simples, é formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em Jornalismo e tem um MBA em Gestão de Mídias Digitais e Inteligência de Negócios pela ESPM. Trabalha com Marketing Digital desde 2017.
Natália Plascak
Natália Plascak
Especialista em Conteúdo na Conta Simples, é formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em Jornalismo e tem um MBA em Gestão de Mídias Digitais e Inteligência de Negócios pela ESPM. Trabalha com Marketing Digital desde 2017.
Não sabe como usar os cartões corporativos no seu negócio?

Confira agora como os múltiplos cartões
ajudam no controle das despesas!