Como parcerias com fintechs ajudam na gestão financeira

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
banner do material Fever Play

Em tempos de concorrência acelerada e novas tecnologias surgindo a cada momento, parcerias e colaboração entre negócios e fintechs é um caminho para se manter no mercado e não perder sua capacidade de inovação.

Ao fazer parcerias em áreas específicas, empresas ganham tempo, recursos e ainda melhoram o tempo de lançamento de um produto ou serviço no mercado.

Agilidade com as fintechs

Uma das parcerias mais efetivas é com as fintechs. A agilidade e a disrupção comuns no mundo das startups se complementam ao grande volume de transações e dados que as empresas lidam todos os dias.

Não é por menos que as parcerias com fintechs têm se acelerado. A quantidade de fintechs B2B no Brasil aumentou de 48% para 61%, segundo mapeamento da Finnovista e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). 

São muitas as vantagens, segundo relatório da EY. Para os negócios, significa rápido acesso às mais recentes tecnologias e integração de diferentes serviços em um único parceiro. Isso significa computação em nuvem, atendimento digital e menos burocracias associadas às instituições financeiras tradicionais.

Mais tecnologia integrada ao negócio também resulta em mais dados sobre a empresa e ferramentas para gerar insights e desenvolver estratégias. Essa colaboração torna a gestão como um todo mais eficiente, o que vai refletir nos produtos e serviços ao cliente

A tecnologia das fintechs

Com softwares e interfaces digitais das fintechs, as empresas não precisam mais construir tudo por conta própria e podem delegar funções aos parceiros, reduzindo seus custos enquanto se concentram naquilo onde realmente está o seu valor.

A empresa consegue alavancar os talentos de suas equipes para se dedicarem menos a funções repetitivas e técnicas e mais a funções críticas que demandam reflexão e análises. 

Para startups e empresas que procuram expandir seus negócios, a parceria com fintechs também torna esse processo mais simples. A colaboração pode acelerar a jornada de crescimento, superando os desafios geralmente associados à escalabilidade.

Uma parceria não apenas ajuda na credibilidade, mas também pode levar a novos segmentos de clientes e atuar como uma plataforma para aprimorar produtos e serviços. E mesmo que os resultados financeiros demorem para aparecer, os benefícios vindo de uma boa reputação são fundamentais ao apresentar sua marca a um novo mercado ou região. 

Cada vez mais, as fintechs B2B têm se tornado fundamentais aos negócios porque têm o potencial de tornar as empresas mais competitivas, otimizando processos internos, adicionando recursos tecnológicos. E, mais importante, melhorando a experiência do cliente final e do colaborador

Não sabe como usar os cartões corporativos no seu negócio?

Confira agora como os múltiplos cartões
ajudam no controle das despesas!