Bloqueio do Facebook Ads: dicas para recuperar a conta e evitar novas restrições

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
banner do material Fever Play

O Facebook e o Instagram acumulam mais de 1 bilhão de pessoas conectadas ao redor do mundo, o que os torna importantíssimos para qualquer estratégia de marketing digital. Essas redes sociais possibilitam que qualquer pessoa crie um anúncio e divulgue seu negócio, desde pequenos produtores autônomos até grandes empresas multinacionais. 

Todos os anúncios criados na plataforma precisam seguir um conjunto de regras e diretrizes, independentemente do orçamento ou tamanho da campanha. Ou seja, caso você descumpra esse regulamento, muito provavelmente sofrerá um bloqueio do Facebook Ads.

Se o seu trabalho é com tráfego pago, provavelmente você já passou por isso. Então, neste artigo vamos mostrar como recuperar a sua conta e evitar novos bloqueios ao criar anúncios. Boa leitura!

Facebook-Ads

Como recuperar a conta depois do bloqueio do Facebook Ads?

Mesmo sem intenção, a maioria dos casos de contas de anúncios bloqueadas pelo Facebook são culpa do anunciante. Geralmente, por violar alguma política de publicidade da plataforma, infringindo alguma regra. 

Portanto, a dica número 1 é: leia as diretrizes para anúncios para evitar problemas no futuro. Caso tenha alguma dúvida, releia as regras antes de fazer a publicação. 

Confira algumas orientações que você deve seguir para reativar sua conta do Facebook Ads!

1. Registre uma conta no Facebook Business

Se você ainda não tem uma conta no Facebook Business, o gerenciador de negócios da plataforma, faça uma. Ele era liberado apenas para poucos grandes anunciantes, hoje é liberado para todos, inclusive pessoas físicas. 

 2. Acesse o Gerenciador de Anúncios

Depois da criação da sua conta no gerenciador de negócios, entre na conta de anúncios que sofreu o bloqueio e copie o número que te identifica como um anunciante. Ele está localizado no canto superior direito da sua página do Facebook.

Em seguida, ainda no canto superior direito, clique no símbolo da engrenagem. Irá aparecer uma página fornecendo o número de identificação do seu espaço de anúncios que está bloqueado. Copie esse número. 

3. Retorne ao Gerenciador de negócios

Agora, retorne para a sua conta no Facebook Business e, no canto superior direito, procure o ícone da engrenagem. Do lado esquerdo, selecione “Contas de anúncio” e procure a função “Adicionar novas contas de anúncio”. 

Em seguida, selecione a modalidade de controle da página. Opte pela opção de reivindicar a conta para o proprietário, que, neste caso, é você mesmo. Então, o Facebook solicitará o número que foi copiado no passo anterior. 

Uma solicitação será enviada para o dono da conta para que a operação seja autorizada. Dessa forma, basta aceitar o pedido e sua conta estará recuperada. 

Quais os conteúdos proibidos para anúncios no Facebook Ads?

O Facebook tem uma lista com 29 categorias de conteúdo proibido e 14 categorias de conteúdos restritos, além das demais regras que são importantes para não violar os Padrões da Comunidade. 

Ressaltamos a importância de ler as diretrizes para anúncios integralmente. Ainda assim, separamos os principais pontos de proibição do Facebook. 

Atributos pessoais

É proibido pelo Facebook anúncios que contenham sugestões ou afirmações diretas ou indiretas quanto a crenças religiosas, raça, origem étnica, orientação e práticas sexuais, idade, identidade de gênero, deficiência, condições médicas seja física ou mental, situação financeira ou eleitoral, associação sindical, antecedentes criminais ou nome de pessoas.

Conteúdo adulto

Também fica vetado anúncios que contenham nudez, pessoas em posições sugestivas ou explícitas, atividades sexualmente provocativas ou muito sugestivas. Mesmo que não sejam sexualmente explícitas, ficam proibidas imagens focadas em partes específicas do corpo, como nádegas, seios ou peitoral. 

Uso das marcas Facebook e Instagram

Os anúncios também não devem usar a marca Facebook ou Instagram de maneira proeminente. Eles também não podem sofrer alterações no design e cor.

Fica proibido escrever por extenso o nome da rede com a inicial minúscula, qualquer tipo de abreviação, plural ou usar como verbo. 

7 dicas para evitar o bloqueio do Facebook Ads

O Facebook tem as regras e diretrizes para garantir uma experiência agradável para usuários e anunciantes, mas não para por aí. Além das proibições e restrições, a plataforma também avalia a importância e a relevância das páginas que criam e divulgam os anúncios. 

Veja, agora, sete dicas para ficar atento e evitar o bloqueio do seu anúncio!

Mantenha sua página com informações completas

Você não deve direcionar o seu anúncio para uma página de vendas com informações incompletas, pois o Facebook pode entender isso como uma tentativa de fraude ou golpe.

Para evitar isso, deixe claro informações como CNPJ, endereço, telefone, entre outros meios de contato no seu site. Dessa forma, caso os clientes tenham alguma dúvida, sabem em que lugar podem conseguir mais informações.

Evite imagens com conteúdo apelativo

Um anúncio com uma imagem chamativa parece ser a melhor maneira de chamar atenção para os seus produtos ou serviços, mas fique bem atento às restrições do Facebook quanto ao uso de imagens em anúncios. 

Conteúdos como nudez, drogas, bebidas, suplementos, medicamentos, jogos de azar entre outros são facilmente banidos da rede social. Além disso, antes de publicar um anúncio, verifique os direitos autorais e os direitos de imagem das pessoas que aparecem na fotografia.

Crie conteúdos relevantes

O gerenciador de anúncios do Facebook consegue entender se um site ou fanpage publica conteúdo relevante ou apenas anúncios invasivos, observando o domínio e qualidade da página ao longo do tempo. 

Dessa forma, os anúncios precisam ser claros, objetivos e relevantes para o mesmo público ao qual o conteúdo da página corresponde. Caso contrário, você pode sofrer com o bloqueio do Facebook Ads. 

Invista em uma boa experiência de leitura

Sites carregados de pop-ups ou qualquer outro tipo de publicidade que cubram as informações não são permitidos pelo Facebook. Ofereça uma boa experiência para seus usuários, com um site limpo, de navegação tranquila e sem interrupções. 

Evite usar vídeos em autoplay

Embora a estratégia de vídeo em autoplay seja tentadora porque pode ajudar a elevar as taxas de transmissão, o Facebook não gosta desse tipo de prática e, já que não traz uma experiência tão interessante para todos os usuários.

Não se prenda a landing pages

A principal estratégia de captura de leads também não é muito bem vista pelo Facebook, já que deixam o usuário sem opção: ou ele faz a ação programada, ou fecha a página. 

Fuja de promessas enganosas

Os algoritmos também conseguem detectar propagandas enganosas. Por isso, não faça promessas exageradas de ganhos fáceis e milagrosos ou soluções improváveis. Além de poder sofrer bloqueio do Facebook Ads, é antiético. Não faça chamadas usando expressões como renda extra, ganhar dinheiro, grana extra, aposta, trabalhar em casa, milagre, milagroso, entre outros.

O que acontece se o anúncio for rejeitado?

Quando você submete um anúncio ao Facebook, ele passa por uma análise. Assim, ele pode ser aprovado ou rejeitado. Em caso de rejeição, você tem duas opções: criar um novo ou editar o existente, removendo o que estiver infringindo as regras e diretrizes da plataforma e enviando para uma segunda avaliação.

Também é possível enviar o mesmo anúncio, caso você tenha certeza que cumpriu todas as regras e que a rejeição foi indevida. 

Gostou desse conteúdo e quer saber mais sobre esse e outros assuntos? Fique por dentro das publicações do Simplifica e entenda como esse universo do marketing digital funciona!

Não sabe como usar os cartões corporativos no seu negócio?

Confira agora como os múltiplos cartões
ajudam no controle das despesas!