Conta Simples é uma das 25 startups com maior potencial no Brasil, segundo FDC

Levantamento da Fundação Dom Cabral mapeia startups que combinam crescimento com replicabilidade, e Conta Simples se destaca.
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
banner do material Fever Play

A Conta Simples entrou para mais uma lista de destaque do ecossistema de inovação. A fintech foi indicada ao ranking das 25 startups com maior potencial no Brasil, segundo levantamento da Fundação Dom Cabral (FDC).

A notícia vem logo depois de a Conta Simples ter sido indicada, no último mês de setembro, à lista das 100 Startups to Wach, da Pequenas Empresas Grandes Negócios; ao ranking das 25 startups Emerging Giants, segundo a KPMG; e de ter entrado para a Comunidade Cubo. 

Levantamento da FDC coloca Conta Simples em ranking das 25 startups com maior potencial no Brasil

O levantamento da FDC, divulgado nesta quinta-feira (27/10), inclui informações como: dados do setor, número de colaboradores, localização, ano de fundação, investimentos recebidos e modelo de vendas. 

A princípio, foram catalogadas 216 startups recém-fundadas (a partir de 2017), todas com taxa de crescimento médio acima dos 20% e valor mínimo de investimento levantado de US$ 1 milhão a contar da data de fundação. Além disso, todas tiveram ao menos uma premiação de destaque, como o Top 100 Open Startups, ScaleUp Endeavor e InovAtiva Brasil. 

Na matéria divulgada pela revista Forbes sobre o ranking, o professor e diretor do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da FDC, Hugo Tadeu, disse esperar que “o mapeamento contribua para uma melhor compreensão do universo das startups do Brasil, avaliando a capacidade de expansão e de replicação desses negócios, além de auxiliar os empreendedores e interessados no tema, na mensuração desse crescimento e potencial para investimentos”, destaca.

Os números sobre o segmento e o potencial no Brasil

O levantamento das 25 startups com maior potencial no Brasil mostrou ainda que, entre os setores de atuação das startups, as fintechs & insurtechs, relativas ao setor financeiro, mantêm-se em evidência no cenário nacional. De acordo com o Fintech Report 2022 (Distrito), o número de empresas, no setor, quadruplicou em menos de dez anos. 

O volume de investimentos na área seguiu a tendência de alta e possibilitou a ascensão desse mercado. Entre as empresas listadas no ranking, 32% recebem essa classificação. O setor de logtech & autotech & mobility está na segunda colocação (16%) seguido de Agritech (12%).

*Com informações da Revista Forbes

Não sabe como usar os cartões corporativos no seu negócio?

Confira agora como os múltiplos cartões
ajudam no controle das despesas!