Cartão de crédito corporativo para startups: 4 vantagens

Você já deve saber que uma das melhores maneiras de manter a saúde financeira da sua startup é evitando misturar contas da empresa com as pessoais, certo? Porém, mesmo que essa ideia pareça óbvia, na prática, pode ser difícil seguir esse conselho se você não contar com um cartão de crédito corporativo.   

Afinal, algumas despesas como compras de equipamentos, assinatura de softwares entre outros pagamentos nem sempre podem ser feitos por dinheiro. Então, nesse momento, é tentador acabar utilizando um cartão pessoal.

Além disso, existe uma outra dificuldade para as startups e ela se chama burocracia. Assim, nem sempre é fácil ter um cartão de crédito corporativo aprovado pelos bancos. 

Mas, não se preocupe. Nesse texto, você vai entender como funciona um cartão corporativo, suas principais vantagens, além de descobrir uma opção acessível para quem está iniciando seu negócio. 

Como funciona um cartão de crédito corporativo

No nosso dia a dia, já estamos bem familiarizados com o uso do cartão. Aliás, segundo dados da Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), em 2018, no Brasil, os gastos com cartão de crédito chegaram a R$ 965,5 bilhões

E outra modalidade, os cartões pré-pago, cresceram mais de 66%, totalizando um gasto de R$ 11 bilhões. O cartão de crédito corporativo funciona de forma bem similar ao pessoal. Porém, com a diferença de estar atrelado a um CNPJ e não um CPF. 

Com isso, ele pode ser usado para pagar diversas despesas, seja pelos sócios, colaboradores ou gestores.  

Tipos de cartões de crédito corporativo

No mercado empresarial, existem dois tipos de cartões disponíveis: o chamado pós-pago e o pré-pago.

A primeira categoria funciona como a maioria dos cartões de crédito pessoais. Ou seja, em que as compras são liberadas até atingir o limite máximo. E, com o fechamento da fatura, o cliente deve pagar o valor total dos seus gastos. Caso contrário precisará arcar com altos juros. 

O problema desse modelo é que, embora haja um limite de valor, é fácil acabar gastando mais do que gostaria. Principalmente se você não for o único a utilizar o cartão em sua startup.

Já a outra opção disponível no mercado empresarial é o cartão de crédito corporativo pré-pago. Esse modelo funciona com a ideia de recarga, ou seja, você adiciona o valor que gostaria de gastar no mês e, ao atingí-lo, só é possível voltar a fazer compras diante de uma nova recarga.

A grande vantagem do pré-pago é que ele permite um controle muito maior de caixa. Já que evita surpresas no final do mês, juros ou gastos maiores do que o previsto. 

Vantagens do cartão de crédito corporativo

Contar com um cartão de crédito corporativo vai trazer diversas vantagens para sua startup. 

Abaixo listamos as principais.

1 – Contas centralizadas

Principalmente se você está começando, é bem provável que acabe exercendo diversas funções em sua startup. Assim, o controle e a gestão financeira podem acabar não recebendo a atenção necessária.

Por isso, contar com um cartão de crédito corporativo vai ajudar a centralizar as despesas em um único lugar. E isso permite ter uma organização muito melhor dos gastos do dia a dia. Já que o acompanhamento pode ser feito por meio de extratos, incluindo digitais. 

Além disso, como os dados da compra são registrados eletronicamente, isso evita, por exemplo, confusões ou diferenças de valores fáceis de acontecer no modelo tradicional de reembolso.

2 – Categorização de despesas 

Como todos os gastos ficam registrados eletronicamente, você pode fazer uma fácil categorização das suas despesas. 

Assim, é possível saber em quais serviços e segmentos sua startup tem investido mais recursos e, se necessário, ajustar os valores.

3 – Planejamento financeiro

Além dos tópicos citados acima, outra vantagem do cartão de crédito corporativo é que ele facilita seu planejamento financeiro, uma tarefa nem sempre fácil, principalmente para quem está começando.

Usando esse meio de pagamento, você sabe exatamente o dia em que suas contas vencerão, pois elas estão concentradas em um único lugar. Assim, é possível se organizar melhor durante o mês e se planejar para investir em diversos serviços. 

4 – Flexibilidade em compras 

Muitos dos serviços que sua startup precisa para desenvolver seus produtos podem ser facilmente pagos por cartão de crédito ou débito. Então, ao contar com a opção corporativa, você pode:

  • Pagar anúncios no Google ou Facebook Ads;
  • Comprar equipamentos;
  • Ter acesso a serviços SaaS;
  • Usar para gastos com reuniões e viagens;
  • Entre outras opções.

Com isso, como citamos lá no começo desse texto, você evita o erro de misturar despesas da empresa com as pessoais. 

Por que optar pelo cartão de crédito corporativo pré-pago   

Como uma startup, você precisará lidar com a burocracia ao solicitar um cartão de crédito corporativo. Isso acontece porque a maioria dos bancos ainda não estão muito adaptados a atenderem empresas menores e que estão começando.

Com isso, fica difícil se encaixar nos principais critérios impostos por essas organizações, como: histórico de conta, análise de risco e comprovantes de faturamento. 

Assim, o cartão de crédito pré-pago surge como a melhor solução do mercado. Pois, existem opções de fácil aprovação, isentas de custos de adesão ou mesmo mensalidades. E, quando entregues, após o desbloqueio já estão liberadas para uso.

Outra vantagem desse modelo é que ele possui duas modalidades: tanto a possibilidade de ser usado como crédito e débito. E você pode escolher qual prefere usar em cada pagamento. Além disso, também é possível fazer saques em dinheiro se for necessário.

Essas flexibilidades são essenciais para ajudar sua startup a atingir metas e ver seu negócio decolar. 

Se você gostou das vantagens que apresentamos nesse texto e gostaria de saber mais sobre a opção de cartão de crédito corporativo pré-pago para empresas como a sua, peça seu convite e abra uma Conta Simples com a gente!